Rio de Janeiro LGBT – A cidade mais LGBT do Brasil!

rio de janeiro lgbt - viajante colorido

O Rio de Janeiro, que já foi eleito o melhor destino de praia em Viagens LGBT, na América do Sul, está esperando a sua visita!

Não é pra menos, que a cidade colorida, com a nossa querida Praia de Ipanema, tenha recebido esse título.

A atribuição foi feita a partid o Gnetwork 360 Argentina, que é uma entidade de viagens que acontece e produz uma feira que acontece anualmente).

Na pauta, existiam outras cidades que também foram votadas, da América do Sul, e, ao mesmo tempo, concorreram com a cidade maravilhosa.

Qual o quesito para medir se um lugar, como o Rio de Janeiro, está preparado para receber o público LGBT?

O público LGBTQIA+ antes de fazer uma viagem tem como hábito pesquisar sobre o comportamento do local em relação aos assuntos relacionados:

  • Se há respeito com o público e os turistas
  • logo depois, os casos de violência contra homossexuais e transexuais
  • em seguida, o estilo de vida
  • bem como, diversão, vida noturna, bares, restaurantes, entre outros.

Sabemos que o Brasil não é o lugar mais seguro em relação ao público LGBTQIA+, mas somos bem recebidos nas principais cidades que respeitam a diversidade sexual.

É necessário que nosso país acorde, e, ao mesmo tempo, se adapte, então, para receber bem todo não somente os LGBTQIA+, mas sim, todo tipo de turista.

O turismo gera uma enorme receita anualmente para o Brasil.

Qual outra cidade é destino favorito dos LGBT na América Latina?

Buenos Aires foi escolhida como o destino favorito dos LGBT na América do Sul por 63% dos entrevistados. Entre outras estão: Montevidéu, São Paulo e Santiago do Chile. Buenos Aires também conquistou disparado o primeiro lugar de cidade mais amigável, desbancando São Paulo.

Como melhor destino de praia, o Rio de Janeiro conquistou a primeira colocação, com 51% dos votos, seguido por Puerto Vallarta e Cancún, ambos situados no México.

O que fazer no Rio de Janeiro?

Uma desculpa que qualquer turista que visite a cidade não pode dar é a falta de atividades que tem para o que fazer no Rio de Janeiro.

A cidade está recheada de atrativos, sejam eles naturais, pontos turísticos, museus, culturas, bares e restaurantes. E também, muitos lugares para LGBT no Rio de Janeiro, como casas noturnas, por exemplo.

Conheça um pouco sobre o que fazer por lá, aqui abaixo.

O Pão de Açúcar 

É um dos símbolos da cidade, então, não pode deixar de ser visitado, certo?

Faça como as mais de 40 milhões de pessoas que já entraram nesse teleférico. Sim você leu corretamente! 40 milhões de pessoas.

Museu do Amanhã no Rio de Janeiro 

Logo depois, o Museu do Amanhã, inaugurado em dezembro de 2015 e, se tornou um dos lugares também mais visitados da cidade.

As praias da cidade

A gente não pode deixar de falar delas. Um dos principais atrativos da cidade, que reúne todo tipo de gente, tanto moradores quando turistas.

As praias mais frequentadas pelos LGBT são: Ipanema, Posto 9, Copacabana. Com certeza você irá encontrar a sua favorita, ao visitar o Rio de Janeiro, seja LGBT ou não.

Escadaria Selarón: o lugar mais colorido do Rio de Janeiro

Você acredita que uma escada poderia se tornar um ponto turístico? E um ponto turístico super visitado?

Pois, sim, aconteceu. A escada Selarón, decorada por Jorge Serarón, um artista chileno, é mais um dos lugares que se tornaram super importantes na cidade.

Todo mundo quer tirar uma foto lá. Ela fica no bairro de Santa Teresa, que, ao mesmo tempo, é um lugar incrível tanto para se hospedar quanto para visita.

Quer ver os outros pontos turísticos? Juntamente com esse, temos um artigo escrito com mais 15 lugares pra você visitar no Rio de Janeiro.

Vida noturna no Rio de Janeiro LGBT +

O que não falta no Rio de Janeiro, é lugares LGBT para curtir à noite! Tem para todo gosto, pra quem gosta de qualquer tipo de música e para todas as idades! Em outras palavras, se joga muito!

Quem gosta de música brasileira, por exemplo, vai gostar de frequentar a “Galeria Café (Rua Teixeira de Melo, 31 – Ipanema, Rio de Janeiro) que é muito tradicional.

A “Casa Nem ( Rua Morais e Vale, 18 – Centro) e em seguida, a “Éden (Rua Sacadura Cabral, 109 – Centro) são mais fervidas, pra você se jogar a noite inteira.

Logo após, mais no centro da cidade, então, em Copacabana, você pode conhecer a “Fosfobox (Rua Siqueira Campos, 143 – Copacabana)”.

Antes que, você perca viagem, dá só uma olhada antes, se as casas ainda estão em funcionamento, depois do período da pandemia e as limitações, combinado?

Dicas para sua viagem:

Descontos