Gay em Dubai. É possível?

Dubai gay - Viajante Colorido

Gay em Dubai. Pode? Umas das principais cidades dos Emirados Árabes, Dubai.

É um dos emirados e é conhecida por sua arquitetura super ultra moderna e construções gigantescas e tem quase 4 milhões de habitantes vivendo por lá.

É um oásis no meio do deserto, e não é miragem. Dubai, um dos 7 emirados de um pequeno país no Golfo Pérsico, ganha espaço no “turismo para o público gay” (com muitas aspas) e atrai ano após ano um aporte gigantesco de turistas gays do mundo inteiro. Esse texto foi escrito pelo meu querido amigo Alysson Martins

Mas a cidade de Dubai é gay ou é marketing para atrair o turismo do nosso público?


Se você escolher visitar um lugar como Dubai, deve estar ciente de que homossexualidade por lá ainda é crime, passível de pena de prisão e / ou multa.

Apesar disso, tem uma grande população gay vivendo na cidade e que trabalha principalmente nas grandes companhias aéreas como a Emirates.

Dubai pode ser gay sim, mas não do jeito que nós conhecemos, ou gostamos. Quanto aos preços, é muito mais fácil e barato viajar pra essa ilha da fantasia do que você pensa.

Você também pode gostar de: Viagem para Israel

Dubai gay
The Dubai Mall – Um shopping que vai tirar o seu fôlego pras compras!

Dubai gay? Barata e moderna?

Dubai é uma cidade que que conquistou um espaço no mundo por sua modernidade e arquitetura, com avanços no turismo local. Mas tudo isso você já sabe porque você quando não vai pras baladas, fica vendo coisas na TV certo?


Dubai pertence e tem maioria religiosa Islâmica ou mulçumana, que apesar da tolerância quantos aos costumes ocidentais, ser homossexual ainda é um tabu muito grande. Estamos falando de lei, pois, na prática é um pouco diferente.

A cidade é um pouco mais acessível e liberal quanto aos costumes, pois se tornou um fenômeno do turismo de massa e tende a receber as pessoas mais abertamente.

Minha querida Elizabeth Werneck tem um post sobre O que fazer em Dubai e quantos dias ficar? veja e você vai amar.

Então Dubai é cosmopolita ou mente aberta?


Dubai é uma ilha da fantasia, onde possui edificios altos, shoppings gigantescos, praias paradisíacas, tem a concentração do capital da cidade nas mãos do petróleo, ou do turismo e tudo isso é muito bem invertido na cidade.

Possui um sistema de metrô 24 hrs, ônibus, táxis e etc. É uma cidade que funciona o dia todo, de segunda à segunda.

Toda essa modernidade não reflete em muitos costumes que para nós no ocidente são comuns.

Temos que ficar atentos à alguns detalhes pra não cometer alguns erros e ser fora da lei e isso vale pra todas as pessoas que visitam o lugar, independente de gênero ou orientação:

  • Não pode consumir bebida alcoólica nas ruas e nas praias
  • Demonstrar manifestações de afeto em lugares públicos. (no caso de estrangeiros, pode rolar até deportação)
  • Para as mulheres: não pode mostrar ombros ou joelhos
  • Como toda regra tem sua exceção, os hotéis em Dubai entram nesse quesito, e são uma atração à parte. Os melhores restaurantes, shoppings, bares e baladas estão todas neles, onde sim, é possível ser você mesmo!

Invista na hospedagem, você vai se surpreender!


Encare Dubai como se estivesse em Las Vegas. Os hotéis na cidade são uma atração à parte e vão te surpreender (as vezes até mais que a própria cidade). Vale à pena desembolsar um pouco mais na sua hospedagem.


Procure pelos hotéis de cadeias grandes internacionais, que são mais abertos em relação aos turistas e não vão te encher a paciência porque você está com seu boy em um quarto de casal.fazendo a fina.

seguro viagem
10% de desconto com o código AC10OFF

Os melhores hotéis e as melhores regiões

Esses hotéis estão preparados com treinamentos internacionais de atendimento ao cliente, e não são tão caros como estamos acostumados a ver aqui no Brasil.

Você pode se hospedar no close, fazer a linha finíssima e gastar pouco, porque a média de um 4* para um casal em 7 noites é em torno de R$ 3000,00 incluindo muitas das atividades e das comodidades que esses hotéis possuem, como: transporte gratuito para shoppings, aeroportos, praias, alguns tours, bebidas à vontade, e baladas inclusas.

Hotéis para ficar de forma segura em Dubai:

A Marina é um bairro próximo à Palm Jumeirah (aquela ilha em formato de palmeira) e se hospedando em um desses hotéis, chavecando o recepcionista, garanta um andar alto para tirar pencas de selfie pras “enemies” ficarem com inveja. A vista da Marina, da Ilha e da orla da praia é de tirar o fôlego.

O Bairro tem ótimas opções de bares, restaurantes e baladas pra você arrasar.

O que evitar. Dubai Gay.

  • Evitar hotéis no centro e ilhas artificiais. Sim, esses hotéis do centro velho de Dubai podem sim ser mais baratos, mas são hotéis “super tradicionais”, onde não são tão tolerantes com outras culturas.
  • O Bairro é antigo, velho e perigoso. Você já vai visitar lá passeando num city tour pra conhecer a cultura local, então fique hospedado no fluxo do fervo, pra ficar fácil pra pegar o Uber pro hotel depois que a senhora “estiver louca de drinks” cansada.
  • As ilhas são incríveis, mas são longe de tudo. O orçamento precisa ser um pouco mais alto para hospedagem lá, e a necessidade de táxi para se locomover sempre, é incoveniente no seu orçamento final
  • O metrô de Dubai não atende as ilhas artificiais.


Dubai é incrível, e vai te surpreender. E separei o que mais gosto:

Clique nos títulos que já te indicamos onde comprar os passeios:

sim, é coisa de turista e se prepare porque não tem nada de luxuoso mana, mas vale à pena. “Separa o frango e a farofa” que essa aventura vai te levar pra andar de 4×4 nas dunas com muita emoção. O jantar no meio do deserto não é dos melhores, mas os passeios de camelo e os shows são espetaculares. Custa em torno de US$25.00


Você vai conhecer alguns os principais pontos da cidade. Vale pena pra dar um giro geral e aprender um pouco sobre ela. O valor é em torno de US$45 por pessoa.

Sim mana! E vai ser badalo da Narcisa! O tour de helicóptero dá um giro de 12 minutos pela cidade, e ver a cidade por cima Te mostra outra perspectiva da cidade, pois o “Mundo”, arquipélago de ilhas que formam os 6 continentes, e as ilhas artificiais só podem ser vistas de cima. Custa em média US$150.00 por pessoa.

Agora vamos ao assunto, onde tá o fervo amore? Dubai Gay.

O fervo está na cidade toda, porque tem gay em todo lugar. Assim, é assim.

É um lounge amplo e moderno com luz azul na cobertura, localizado no 43º andar do hotel Four Points by Sheraton.

Arrasa no look, faz um carão e desça até o Bar 44 para ser visto por todos é fabulosa a sensação de vir aqui.

Outro lugar que tem uma vista incrível. Como o nome sugere, fica no 27º andar – cerca de 200m de altura, e decoração em folha de ouro é o tema aqui!

house of queens
House of Queens

Conecte-se com eles no Instagram para saber mais informações mais atualizadas. House of Queens é muito parecido com um bar clandestino, despretensioso, inofensivo, escondido em uma esquina da Avenida Industrial.

Praias de Dubai – O Caribe das arábias.

  • As praias em Dubai na sua maioria são privadas, e tem cobranças para acesso, mas sabemos que toda economia é muita, então separamos as praias mais lindas, que dá pra fazer um fervo e ainda, de graça:
  • – Jumeirah Beach (altura do Burj Al Arab)
  • – Al Mamzar Brack Park (Bairro de Deira)
  • – Jumeirah Open Beach (Jumeirah)
  • – Umm Suqeim Beach

O visto para visitar Dubai

O visto é fácil, prático e online. Se está viajando com a Emirates ou a Etihad, o visto é gratuito e você o faz direto no site da companhia aérea. Imprime o papel, e somente precisa mostrá-lo na imigração chegando no aeroporto lá.


Caso viaje com outras companhias aéreas, pode realizar através dos hotéis (verifique se o seu realiza esse tramite) ou agências de viagens (com cobrança de taxas). O visto de lá precisa ser “patrocinado” por alguém, tem validade de 90 dias e os custos variam de acordo com o seu “patrocinador”. Se tiver mais dúvidas: Embaixada dos EAU no Brasil

Outras dicas:

  • Dubai é uma cidade que tudo é possível, por isso é uma ilha da fantasia. Trate-a como se estivesse em Orlando, curtindo uma cidade imponente, mas tudo lá é fake pra impressionar os turistas.
  • O centro de Dubai vale a pena realizar compras de jóias, caso haja interesse, mas é caótico e cheio de pessoas como a 25 de março. Passeie por lá quando estiver com o city tour e já faça tudo o que precisar, porque é um lugar complicado de caminhar e tem alto indices de furtos.
  • Evite o verão! Lá é deserto, então viaje no inverno, com temperaturas entre 20 e 30 graus, porque no verão passa dos 50 graus, fácil.
  • Todos os bares e restaurantes são preparados em receber todos os tipos de público, mas vale a pena se atentar aos costumes locais.

Considerações finais, muito importantes, aliás:

  • Ser abertamente gay em Dubai é, portanto, perigoso! Seja você um local ou estrangeiro.
  • A realidade para turistas gays que desejam visitar Dubai é que é improvável que você encontre problemas, desde que evite todas as demonstrações públicas de afeto com seu parceiro.
  • As prisões anteriores de turistas gays em Dubai aconteceram como resultado de ocorrências públicas. Por exemplo, em 2008, um casal de lésbicas libanesas / búlgaras foi preso por beijar em uma praia pública.
  • Foram condenados a 1 mês de prisão e posteriormente deportados. Portanto, se você ficar feliz em aceitar voltar para o armário, você ficará bem em Dubai.
  • Mais recentemente, em março de 2019, o Little Mix se apresentou em Dubai sob uma bandeira gigante do arco-íris para uma de suas músicas sem problemas.
Dubai gay - Viajante Colorido
Antecipadamente;
Antes de tudo;
Antes de mais nada;
A princípio;
À primeira vista;
Acima de tudo;
De antemão;
Desde já;
Em primeiro lugar;
Principalmente;
Primordialmente;
Sobretudo;
Primeiramente.

Considerações mais que importantes, novamente:

  • Evite todas as demonstrações públicas de afeto com pessoas do mesmo sexo a menos que esteja hospedado em um hotel que você sabe que recebe viajantes gays, reserve um quarto com 2 camas de solteiro (sejam 2 camas queen-size ou uma cama king-size e uma de solteiro)
  • Tenha cuidado com as pessoas com quem você anda, especialmente ao conhecer pessoas no Grindr
  • Tome cuidado com o que você posta online antes e durante sua viagem, talvez considere definir seus canais de mídia social como privados se postar algo obviamente gay
  • Apesar das severas leis LGBTQ, você descobrirá que Dubai é um lugar fascinante.
  • Tem um dos maiores centros comerciais do mundo, o edifício mais alto do mundo (o Burj Khalifa), muitas praias excelentes, empolgantes souks tradicionais e até um hotel 7 estrelas.
  • Também é extremamente seguro com níveis muito baixos de criminalidade. Como um importante centro de transporte, também é uma parada útil para interromper viagens longas.

*Sendo assim, óbvio que a decisão de ir ou não é sua! Eu publiquei esse texto como informação, ela é sempre necessária, mas particularmente, não é um destino que eu visitaria, por falta de interesse em primeiro lugar e também porque gosto de ser livre, sempre. Ele foi escrito pelo meu querido amigo Alysson Martins

O site De Lugar Nenhum tem um roteiro de 5 dias por Dubai, você vai gostar muito!

Quer saber como planejar uma viagem pro Japão?

Dicas para sua viagem:

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Descontos

Posts recentes